Política

Catarina Martins pressiona Costa: “Há margem para avançar com o aumento extraordinário das pensões”

Com o país em suspenso e a tomada de posse do Parlamento e do Governo adiadas , Catarina Martins critica a dualidade de critérios do executivo socialista ainda em funções. Em entrevista ao PÚBLICO, a líder do Bloco de Esquerda argumenta que António Costa tem condições para aprovar o prometido aumento extraordinário das pensões imediatamente e nota que o Governo não deixou de aprovar decretos, já com a dissolução do Parlamento confirmada